Fimec 2017

41ª Fimec encerra com visitação qualificada e bons negócios

41ª Fimec encerra com visitação qualificada e bons negócios

Visitantes em busca de novidades e tecnologia para seus negócios, e expositores dispostos a apresentar suas inovações a quem passou pelos pavilhões da Fenac. Esse foi o ritmo da 41ª Fimec, que aconteceu entre os dias 14 e 16 de março, em Novo Hamburgo. O evento reuniu um público qualificado de pessoas em busca de lançamentos de máquinas, componentes, couros e química para a indústria do calçado, bolsa e artefatos. A tecnologia para melhorar processos, aumentar a produtividade e tornar a indústria calçadista ainda mais competitiva foi um dos pontos de destaque da feira. “Nossa expectativa foi alcançada nos três dias de Fimec, a quantidade de contatos feitos e efetivos foi bem maior que nos últimos tempos. Nos corredores foi possível perceber o otimismo dos expositores e a visitação qualificada de estrangeiros. Posso afirmar que esta feira está sendo a melhor Fimec dos últimos tempos”, afirma do diretor-presidente da Fenac, Márcio Jung. A parceria reforçada com as entidades setoriais fez com que a Fimec incentivasse ainda mais a geração de negócios, através dos projetos Comprador, Rodadas de Negócios e FF Exchange.

Além dos produtos dos cerca de 500 expositores, a Fimec também contou com ações de experiência, como a Fábrica Conceito, Estúdio Fimec e o Espaço Fimec Conteúdo. A Fábrica Conceito produziu durante três dias cerca de 5 mil pares de calçados, apresentando tecnologia de ponta e novidades que reduzem os custos e aumentam a produtividade do setor calçadista. O projeto, realizado pela Fenac, o IBTeC e a Coelho Assessoria Empresarial é considerado uma vitrine para o expositor, já que as máquinas que estão nos estandes são colocadas em funcionamento na Fábrica. A iniciativa teve um investimento de mais de R$ 3 milhões em máquinas colocadas pelos expositores.

Já o Estúdio Fimec trouxe uma experiência única para o visitante, que imergiu no comportamento de consumo dos Essenciais, e pode conhecer materiais dos expositores com as características deste público e ainda customizar peças de acordo com essa temática e interagir com o tema que visa a valorização das pequenas coisas e um comportamento menos consumista e mais consciente.

De forma inédita, a Fimec trouxe este ano um espaço para disseminação e compartilhamento de conhecimento. O Espaço Fimec Conteúdo apresentou pocket palestras com informações pertinentes ao setor, visando uma dinâmica rápida para conferir temas de interesse dos visitantes.



Uma semana antes em 2018

A novidade para a próxima edição está relacionada à data do evento. Em 2018, a feira já está marcada para os dias 06, 07 e 08 de março, das 13 às 20 horas. A antecipação de alguns dias se deu após inúmeros debates com entidades, análise de pesquisa realizada com expositores e visitantes e definida em reunião do conselho de administração da Fenac. O objetivo da mudança foi adequar o evento ao calendário de feiras nacionais e internacionais do setor, garantindo assim que a feira não coincida com outros eventos da cadeia coureiro-calçadista, e receba o público qualificado que já vem recebendo em outras edições.



Expositores e visitantes aprovam a Fimec

A 41ª edição da Fimec contou com visitação qualificada e expositores satisfeitos com os negócios realizados durante o evento. Quem expôs pode apresentar as novidades para centenas de visitantes, já quem veio em busca de novos produtos, materiais, equipamentos, sistemas de produção e maquinário, saiu satisfeito com as novidades apresentadas.

“Buscamos novos fornecedores e materiais, fazemos contato com nossos parceiros para ver o que eles têm de novidade e também buscamos outros fornecedores e parceiros para a marca. Sempre saio com novos fornecedores e negócios para a empresa”, comentou Pietra Strassburger Scheffel, designer da Petite Jolie. Para ela, a Fimec também é um espaço de inspiração para as novas coleções “sair do local de trabalho e participar de uma feira como a Fimec sempre faz com que tenhamos novas ideias e tragamos coisas diferentes para as próximas criações”, ressalta a designer.

Atuante no setor da indústria química, a Corium voltou a apostar na Fimec durante essa 41ª edição. Depois de quatro anos sem expor na feira, a empresa voltou a participar e se diz surpresa com a visitação altamente qualificada. “Conseguimos abrir novos clientes e atender nossos atuais parceiros. Tivemos grande participação de visitantes da América Latina, como Chile, Peru, Colômbia e Equador, o que identificamos ser excelente para o nosso negócio. Em outros anos participei como visitante e vejo que esta edição contou com mais pessoas com real interesse de compra, o que é um fator extremamente positivo”, afirma Cristiano Velho, representante comercial da Corium Indústria Química.

A Fimec (Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes) é um evento realizado pela Fenac e prefeitura de Novo Hamburgo, com patrocínio Transduarte e SICOOB Ecocredi, apoio Abrameq (Associação brasileira das indústrias e máquinas e equipamentos para os setores do couro, calçado e afins), Assintecal (A Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos), CICB (Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil) e Abicalçados. O evento conta com apoio institucional da ABQTIC (Associação brasileira dos químicos e técnicos da indústria do couro), IBTeC (Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçado e Artefatos), ACI NH/CB/EV  (Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha) e AICSul (Associação das Indústrias de Curtume do Rio Grande do Sul).

Fotos: Elaine Nardes e Alisson Brum/Talenttare.
 

Mais Notícias

17 Mar 2017

Fábrica Conceito apresentou tecnologia e produção de calça ...

CONTINUE LENDO
16 Mar 2017

41ª Fimec é marcada por otimismo e retomada do setor

CONTINUE LENDO
VER TODAS NOTÍCIAS
Patrocínio
Apoio
Apoio Institucional
Apoio Institucional
Realização