Fimec 2022

Prêmio Primus Inter Pares reconhecerá iniciativas que se diferenciam no setor coureiro-calçadista

As comissões julgadoras escolheram os vencedores que serão conhecidos em cerimônia online no dia hoje

Prêmio Primus Inter Pares reconhecerá iniciativas que se diferenciam no setor coureiro-calçadista

Hoje (1º), às 17h, o público conhecerá, em uma cerimônia online, os vencedores da 21ª edição do Prêmio Primus Inter Pares, tradicional reconhecimento do setor coureiro-calçadista. Realizada pela Associação Brasileira das Empresas de Componentes para Couros, Calçados e Artefatos (Assintecal), a premiação tem como tema a transformação digital.


Esta edição do Prêmio Primus Inter Pares recebeu mais de 50 cases inscritos em seis categorias: Design, Exportação, Imprensa, Inovação Tecnológica-Covestro, Mulheres Empreendedoras-Braskem e Sustentabilidade. Para avaliar os cases, foram realizadas comissões para cada categoria com jurados ligado ao setor coureiro-calçadista foi escalado e fizeram suas escolhas. São iniciativas que se diferenciam no mercado e qualificam o segmento.

 

"Há anos sendo realizado com excelência pela Assintecal e parceiros, o Prêmio Primus Inter Pares é mais do que somente uma premiação, pois traz cases que servem de inspiração e referência paras as empresas do setor nas áreas de Design, Exportação, Inovação Tecnológica e Sustentabilidade", destaca Haroldo Ferreira, presidente-executivo da Abicalçados, que avaliou os trabalhos da categoria Exportação.

 

Na avaliação da coordenadora técnica de estilo da marca Arezzo, Julia Biason, o Prêmio Primus ajuda a desenvolver as empresas do setor e incentiva a demonstrarem ao mercado seus diferenciais. Para ela, avaliar trabalhos nessas temáticas beneficia a indústria ao promover a competição e fomenta a busca por melhorias. “Para o próximo ano, fica o desejo de que as empresas possam continuar sua evolução ao focar seus investimentos em design e inscrever seus projetos”, opina Julia, que participou do júri da categoria Design.

 

Para Soraia Schutel, cofundadora da Sonata Brasil, participar da comissão julgadora da categoria Mulheres Empreendedoras – Braskem é contribuir com a análise de cases a partir de sua própria experiência. “São duas décadas como empreendedora e também como pesquisadora na área de desenvolvimento sustentável. Ao mesmo tempo, aprendo e me atualizo com as boas práticas demonstradas nos cases, que vêm sendo realizadas no Brasil acerca dos temas analisados”, observa. Soraia avalia que o prêmio é de fundamental importância, pois dá visibilidade a vários projetos de valor e a pessoas que constroem um Brasil melhor com sua capacidade produtiva e criativa. “Acredito no potencial empreendedor como força de transformação econômica e social”, finaliza.

 

O público que assistir à cerimônia online concorrerá a mentorias nas áreas de Design, Sustentabilidade, Inovação, Exportação e Branding Digital. Para participar, clique aqui. As mentorias serão individuais e personalizadas, com um atendimento realizado pela equipe de consultores da Assintecal.

 

O Prêmio Primus Inter Pares Assintecal 2021 é realizado pela Associação Brasileira das Empresas de Componentes para Couros, Calçados e Artefatos (Assintecal). Tem patrocínio master da Braskem e Covestro, patrocínio da 3S Corp, Biason Assessoria Jurídica, Conexo – Assessoria em Comércio Exterior, Cultura Americana e codeBuddy, Fenac Experiências Conectam | FIMEC 2022, Frattini Consultores Associados, Imagine In Company, Loft Digital, M&C Helmer Valencia, , Rech Sistemas de Gestão, Transduarte, e apoio da Abrameq – Associação Brasileira das Indústrias de Máquinas para Couros e Calçados.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa ASSINTECAL

Mais Notícias

31 Mai 2021

Sindinova se prepara para lançar o Guia de Compras de Nova Se ...

Canal digital visa aproximar lojistas aos fabricantes de calçados

CONTINUE LENDO
25 Mai 2021

“A realidade da automação industrial no setor coureiro-cal ...

CONTINUE LENDO
VER TODAS NOTÍCIAS
Patrocínio
Apoio
Apoio Institucional
Apoio Institucional
Realização